Memórias de sangue e ouro


Paredes feitas de sangue e ouro
Começando a desdobrar contos antigos ainda não contados
Olhos cor âmbar lentamente hipnotizam
Leve-os para o sacrifício deles
Navegue da terra antiga, se segurando na esperança
Conquistando um novo mundo feito de ouro

Sonhando e buscando
Encontrando e reivindicando
Sangue e ouro

Estrelas dizem a profecia do que está para ser
Descendo das torres do mar
Como eles percebem o destino de suas mortes
O fim de um império poderoso
Agora, a ganância vem reivindicar
Caindo o reinado das águias
Apenas ruínas permanecem agora

Sonhando e buscando
Encontrando e reivindicando
Sangue e ouro