O Senhor é meu Mestre,
Meu Pastor nada me faltará
Me faz repousar em pastos verdejantes,
Nas águas descansar

Refrigera minha alma e me faz
Nas veredas da justiça está
Se no vale da sombra da morte andar
Mal nenhum eu sei que temerei

Tua vara e no Teu cajado estão
Sempre a me consolar
Tu preparas uma mesa para mim
Frente a inimigos meus

E com o óleo unges minha cabeça
Tu transbordas cálices de amor
A bondade e a misericórdia
Certamente que me seguirão

E casa do Senhor habitarei
Para todo sempre amém
Para todo sempre amém

Vídeo incorreto?