Sei que sou atrevida
Fio desencapado
E ninguém me intimida
Quando estou do teu lado
Pra você faço tudo tudo
Pra você eu me guardo
Mas no fundo no fundo eu sei
Que não passo de um caso, fora da lei

Que voce usa quando bem entende
Que desafoga quando quer prazer
Não tem hora não tem dia faça chuva ou sol
Se apossa do meu corpo e me
Abandona no lençol
E é ai que explode a minha raiva
Eu me pergunto se mereço isso?
Amor e ódio andam juntos de mãos dadas
E falta pouco pra querer te dar sumiço
Eu te condeno te acuso eu te xingo
E te prometo que um dia eu me vingo

Refrão
Não sou uma qualquer...
Que vc acha em qualquer esquina
Olha que eu sou mulher...
Que onde chega, tudo ilumina
Não sou uma qualquer...
Que voce pisa brinca e não esquenta
Olha que eu sou mulher...
Dessas que até quem nao tem lamenta

Que voce usa quando bem entende
Que desafoga quando quer prazer
Não tem hora não tem dia faça chuva ou sol
Se apossa do meu corpo e me
Abandona no lençol
E é ai que explode a minha raiva
Eu me pergunto se mereço isso
Amor e ódio andam juntos de mãos dadas
E falta pouco pra querer te dar sumiço
Eu te condeno te acuso eu te xingo
Eu te prometo que um dia eu me vingo


Refrão (2x)
Não sou uma qualquer...
Que você acha em qualquer esquina
Olha que eu sou mulher...
Que onde chega tudo ilumina
Não sou uma qualquer...
Que você pisa brinca e não esquenta
Olha que eu sou mulher...
Dessas que até quem não tem lamenta

...sei que sou atrevida...

Vídeo incorreto?