Como chuva que passou como vento que soprou,
Outra vez irmão a luta foi embora, é vida nova.
Tempestade passageira assentou-se a poeira,
Demorou, mas já chegou final da prova,
É vida nova, é vida nova.

Passou o vento que soprava, passou,
A dor que não cessava, cessou,
Agora Deus mudou seu cativeiro,
Passou o derramar de lágrimas passou,
O dia da virada chegou,
A benção descobriu seu endereço.

Você vai se assentar agora na mesa do rei,
Na casa que não tinha nada agora tem,
Porque a benção já bateu na sua porta,
Você vai descobrir o que é servir a um Deus fiel,
Todo dia vai descer mana do céu.
Você agora vai viver de gloria em gloria.

Passou o vento...

Vídeo incorreto?