Meu Jesus, outra vez o vento forte me assolou
E mar mais uma vez, se agitou
Mas o medo dessa vez, foi bem maior
Meu Jesus, tão pequeno e sem forças me senti
Pois olhei dentro do barco e não te vi
Eu pensei que havias me deixado só

Mas olhei, sobre as águas e de longe eu te vi
No começo eu não lhe reconheci
Foi então que a sua voz, eu escutei
Eu senti, quando de repente o vento se acalmou
Minha fé no mesmo instante aumentou
Sobre o mar ao seu encontro, caminhei

Meu Jesus, foi aí então que eu pude entender
Que apesar de com meus olhos não te ver
Bem pertinho a todo instante, tu estavas
Meu Jesus, me perdoe pela minha frágil fé
Entendi que tens firmado os meus pés
Outra vez Senhor, perdão por reclamar

Vídeo incorreto?