Ela
Foi pra mim mais uma quimera
Luz de uma rosa na primavera
Que logo se transfigurou
Carreguei por causa dela
Uma cruz que não podia
Nem mesmo assim a fantasia
Deste meu sonho me abandonou

Dela
Esperei o eu que sempre quis
Durante um tempo me senti feliz
Pensando ter um grande amor
Cego de tanta paixão não vi
Quando a verdade se apresentou
Bem que mereci
Esta prova sem perdão passar
Se desabafei
Me desculpe não me controlar

Vídeo incorreto?