Eu fui na minha casa e não te encontrei
Saí, pelo deserto a te procurar
Saudades, também senti de ouvir a tua voz
Que sempre, a mim falava quando estava só.

Ovelha errante, volte, te chamo com amor
Quero abraçar-te com tudo dulçor
Volte depressa ovelha errante (2x)

Declamação:
Fui na minha casa onde sempre tu estavas
Mais alí, não te encontrei, senti saudades suas
Desci montes e valados a tua procura
Mais foi inútil, não te encontrei
Volte ovelha minha, volte.

Tu sabes quem hoje chamas pelo nome seu
Eu sou, quem lá na cruz o sangue derramou
Te amo, e demonstrei o meu amor por ti
E tu, que fazes para demonstrar por mim?

Vídeo incorreto?