Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Como é triste todo dia do meu quarto
Olhar do lado meu amor e não te ver
Me bate um desespero, abraço o travesseiro, tem o teu cheiro só pra me enlouquecer
Não entendo até agora quando você foi embora
E nem se quer me disse o porque
Solidão, deito na cama
O meu colchão só reclama
Saudade é um drama, agora eu sei o que é sofrer
Solidão, deito na cama
O meu colchão só reclama
Saudade é um drama, agora eu sei o que é sofrer
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Noite passada acordei todo suado
Coração acelerado
Achei que ia até morrer
Um pesadelo danado, que tinha outro abraçado, ele dormia de conchinha com você
Até o meu criado ficou mudo, o abajur que absurdo, já não quer mais acender
Minha vida ta bagunçada, a casa desarrumada e a saudade é vontade de você
Minha vida ta bagunçada, a casa desarrumada e a saudade é vontade de você
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Ah! Que saudade, de dormir de conchinha com você
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!
Sentir seu corpo colado
Seu cabelo molhado
Do seu lado ver o dia amanhecer!

Vídeo incorreto?