Tá vendo amigo esta gordinha
Ela já foi minha mas me abandonou
Preferiu ficar sozinha
Diz que ser gordinha nunca agradou
Mas eu falei que a amava
Que nada disso me importava
Mas ela não acreditou

Tá vendo a amiga dela
A magrinha bela que ali foi dançar
A tempo ela foi embora
Só voltou agora pra me provocar
Mas ela não esta sozinha
Da mesma forma a gordinha
Faz tudo pra te magoar

O nosso caso é diferente mas a dor é a mesma
A gente tá sofrendo, eu sofro por minha gordinha
E eu pela minha magrinha
As duas tão de namorado
De rosto colado por aí dançando
E a gente aqui nessa agonia cansados de tanto chorar
È pela gordinha e a magra
Nós vamos afogar as mágoas
bebendo pra desabafar

Vídeo incorreto?