Eu vou deixar pra amanhã
O que posso fazer hoje
E vou deixar pra mais tarde
A importante decisão
De mudar a minha vida
De criar juízo e mais vergonha
E de parar de beber
De nunca mais ir tão fundo
Vou deixar de ser, eu vou deixar de ser
A palmatória do mundo

Eu vou deixar pra amanhã, de manhã
E amanhã de manhã eu resolvo
Deixar pra depois de amanhã
Pago com a multa maldita
A minha conta vencida
E vou na madruga
Empurrando com a barriga
Meu destino bagunceiro
Há quem fale quanto a esse detalhe
Ele parece que tem vocação pra padeiro

Vídeo incorreto?