Sentindo o peso da saudade
Pra minha terra eu voltei Queria ver velhos amigos
E as pracinhas que um dia cantei
E nos domingos de tardinha
Som de viola ficou no ar
Até parece que ainda escuto
Um berrante a repicar

Oi saudade, as lembranças que me faz chorar
Oi saudade, solitário não quero ficar

As velhas modas sertanejas
Que encanta gerações
A vida alegre sem interesse
Unindo dois corações
Sentando nesse banco
Eu fico sempre a recordar
Estou velho e cansando
Mas não deixo de sonhar

Oi saudade, as lembranças que me faz chorar
Oi saudade, solitário não quero ficar

O homem nessa vida precisa lutar
Ter fé e esperança, trabalhar e acreditar
No lugar que hoje vivo
Não tenho felicidade
Logo, logo estarei voltando
Pra minha velha cidade
Lembrar os tempos de criança das coisas lindas que
vivi
Ouvir o som de uma viola e o canto doa colibris


by Mah

Vídeo incorreto?