Quando olho em volta, sei
Que o ser humano se esqueceu
De que lá no altar presente está
O corpo do próprio cordeiro de deus
Não consigo entender porque
Falam de um "amor" que é tão desigual.
Se quando deus veio em meio à nós
Nos falou de um amor não carnal.
Buscando, em deus, a presença,
Fazendo toda a diferença,
Do espirito que une o pai
À fragilidade da criação.
Fui criado prá me unir à deus
E à todos que querem ser seus,
E, apesar das diferenças que
Cada um tem, prá deus não faz mal.
O que importa é o verdadeiro amor
Que só deus traz.

Vídeo incorreto?