Eu ainda aguardo uma resposta
Continuo sem entender o que eu te fiz
Ainda me recordo quando te bati a porta
Pode ser isso,mas não foi isso o que eu quis

É difícil te entender
Evito comentários quando você aumenta a voz
Tento revelar o que é pra ser
Mas parece que você,não pensa em nós

Refrão:

Memória re-sentida,uma vida traída
Coração distruído,sem ter um ombro amigo
As lágrimas,caídas no rosto,demonstrando desgosto
Onde está sua memória?
Passando-se essa história?Eu terei que aprender, a
viver sozinho

Continuo seguindo meu rumo enfrente
Onde será que está a minha mente?
Eu me recordo do que aconteceu
Não tenho culpa de você ser inconsequente,ooh

É tão raro perceber
Entender seu jesto,ouvir sua voz
Adoraria olhar pra você
Esquecer do passado e viver pra nós

Mas não dá,aah...


Voltar ao Refrão (Até final)