Quando mãos suplicantes pediam
Outras mãos que as pudessem guiar,
Receberam o toque seguro
Destas mãos perfuradas na cruz.

(Coro)
Pois a cruz, rude cruz, traz vitória
A qualquer coração sofredor;
Vou louvar para sempre meu mestre,
Pois a cruz é tudo pra mim!

Outros pés, indecisos cansados,
Caminhavam sem onde ir
Mas os pés que já foram pregados,
Lhes mostraram o caminho do amor.

E quando todos os amigos se forem,
Quando a morte chegar para mim,
Eu confiarei em um mestre pregado,
Que morreu, mas enfim ressurgiu!

Vídeo incorreto?