Passo sempre em sua rua
Pra chamar sua atenção
Na frente da sua casa acelero o caminhão
A turbina assovia chega dói o coração
Fico feliz quando vejo você em pé no portão
Mas se passo dou um toque e você não aparece
O peito enche de dor o caminhão entristece
Vou sofrendo apaixonado
Lágrimas dos olhos desce
Esse que jamais te esquece!

Caminhoneiro é assim mesmo
quando ama pra valer
se acelera o caminhão é vontade de te ver
Caminhoneiro é assim mesmo
Quando ama de verdade
Mete o dedo na buzina dá um grito de saudade!

Vídeo incorreto?