É mais fácil acreditar que quando planos não existem.
É mais fácil imaginar que palavras rasgam o tempo...
Que palavras rasgam o tempo...

Sinhá me diga...
Quer que eu te siga?
Sinhá me diga...
Se é minha sina...

É difícil de entender,
Se vontade ainda existe...
É difícil de aceitar,
Que um novo dia eu vou mergulhar...

Sinhá me diga...
Quer que eu te siga?
Sinhá me diga...
Se é minha sina...

Qual será minha torcida, minha vida é o meu lugar.
Vou traçar o meu caminho, sem espinhos, vou vagar.
Quem verá minha subida em minha sombra vou chegar..
Vou fundir o velho pinho com destreza vou cantar...

Sinhá me diga...
Quer que eu te siga?
Sinhá me diga...
Se é minha sina...

Vídeo incorreto?