Eu não sei como você está, muito menos onde estas
Talvez não seja tarde mas já é tarde pra ligar
O amanhã também está longe e a madrugada me acompanha
Fecho os olhos, finjo o sono mas a mente não engana
O que será que vai me dizer quando a minha voz ouvir
Talvez: Me esqueça eu tô em outra
Ou: Mas que saudade, até que enfim
Só que o medo constante me faz pensar um pouco mais
Se eu escutar o que eu não quero não vou me perdoar jamais

refrão

Quando seu telefone chamou
As lágrimas tentei evitar
Mas fui mais fraco que o seu alô
Desliguei e deixei pra lá
Melhor o silêncio do que me magoar