Era um nordestino
Loucamente apaixonado
Ficou incendiado, por uma carioquinha
E um certo dia ele pegou nos "oito baixo"
E tocou para ela a paixão que sentia
Ela então sorriu e o amor surgiu
No calor da sua boca
Ele ai sentiu o seu coração
Ai então dormiu de toca
Moça, a mais de uma semana
Que o coração reclama
De tanta solidão
Moça, estou em pé de guerra
Voltar pra sua terra, demoliu meu coração
Que tá, tá pra disparar
Tá pra despencar, dor atrevida
Tá que tá, não dá pra suportar
Você tem que voltar na paraíba

Vídeo incorreto?