Viajando pela estrada afora
Devagar, sem pressa que demora
E lembrando que deixei você
Escuto o cantar de um passarinho
Viajando à procura de um ninho
Lembro que você me procurou e te deixei sozinho

Viajando pela estrada afora
Devagar, sem pressa que demora
E lembrando que deixei você
Escuto o cantar de um passarinho
Viajando à procura de um ninho
Lembro que você me procurou e te deixei sozinho

Me arrependi, tarde demais
E hoje quem está sozinha sou eu
Neguei chance, joguei tudo fora
Fui atrás e me mandou embora
E você frio me respondeu
Adeus.

Me arrependi, tarde demais
E hoje quem está sozinha sou eu
Neguei chance, joguei tudo fora
Fui atrás e me mandou embora
E você frio me respondeu
Adeus.

Vídeo incorreto?