Pode então ser petulância
Apesar dessa distância
Moro longe em outra rua
Mas só sei passar na sua

Dou retoque no cabelo
Perfumo meu corpo inteiro
Todo dia quero vê-lo
É sonho não é pesadelo

Mas quando eu passo por você
Eu olho, encaro, não sei disfarçar
Meu interesse por você
É notório, visível, para não notar

Principalmente quando vejo os seus olhos
Brilharem forte vindo em minha direção

Meu corpo treme, meu corpo treme
Meu corpo treme, treme, treme por você
Meu corpo treme, meu corpo treme
É um terremoto de amor e de prazer