Nome completo do samba-enredo: Posso ser inocente, debochado e irreverente... Afinal, sou o riso dessa gente

Sou o riso dessa gente
Faço a vida mais contente
Tão inocente na criança a sonhar
Um mundo de magia conquistar
Batam palmas... No circo o show vai começar
Trago alegria em seu olhar
Abram alas que o palhaço vem brincar
No picadeiro da imaginação
Sou emoção no coração
A mais bela expressão

Já fui malandro, sim
Com um jeitinho assim... Gostoso demais (Refrão)
Bom brasileiro, debochado e irreverente
Na chanchada fui a arte dessa gente

Tô no ar... Em forma de ironia rindo à toa
Vejam só, transformo a tristeza em coisa boa
Mesmo nessa zorra eu vou gargalhar
Estar no meu povo quando desfilar
Cantar, sambar e ser feliz assim
Com minhas baianas rindo a girar
São 40 anos, vem, vamos brindar
É festa amor...
Minha alegria vai te conquistar!!!

A emoção transborda da veia
Meu pavilhão o samba festeja (Refrão)
Vamos sorrir... Amar enfim
Vem Mocidade Alegre ser feliz!!!

Vídeo incorreto?