Storm (tradução)


O que estava refletido ali quando ergueste os olhos?
O gélido vento guia-a como nuvens flutuando

O alarme começa a tocar no relógio
que a mantinha da mesma forma que naquele dia.

O fluir do tempo é mui cruel; ele sempre me atormenta
Eu sempre achei que tu estarias do meu lado, sorrindo…

Mesmo que eu unisse minhas mãos para orar,
tu serias inalcançável
Tu delicadamente abre tuas lívidas asas e
lentamente acena para mim, sorrindo

Antes que eu percebesse,
eu reclinava-me para uivar para o longínquo céu

Eu te abracei com força e
docemente beijei-te enquanto sorrias gentilmente
Mesmo esta efêmera felicidade não irá retornar

O fluir do tempo é mui cruel; ele sempre me atormenta

Não importa quanto tempo passe, eu jamais serei capaz de esquecer aquele último sorriso que me mostrou,
pois continuas a viver dentro de mim.
Porque te amei mais do qualquer um.