Um dia, de manhã, quando acordei
O som que escutei me fez lembrar de meu Jesus
Abri minha janela e olhei pra rua
Lá no fim do céu a lua já perdia a sua luz
Numa galhada entre alguns espinhos
Avistei um passarinho que cantava uma canção
A sua linda voz tão conhecida, me fez refletir na vida
Me ensinou uma lição
Oh Deus! É assim mesmo aqui no mundo
Tem um gozo tão profundo em fazer tua vontade
Quando estou no meio de espinhos
Como aquele passarinho sem ter muita liberdade

Eu sei que às vezes posso me ferir
O inimigo pode rir do meu sofrimento atroz
Deus santo que de mim ganhou a guerra
Mas talento não se enterra, ai eu solto a minha voz

Começo a cantar, ninguém pode parar o que é do senhor
Já arde no meu peito este lindo louvor
O vento do Senhor carrega a minha voz
Para lembrar dos seus
Não paro de louvar, se não dá pra cantar enquanto estou voando
Mesmo sem ter espinhos estarei pousando
Nunca deixarei de Te louvar, Senhor

Vídeo incorreto?