Quanto maior a bronca
Maior o tombo
Pra que mexer em casa de marimbondo
Comigo amigo é família
No brasil nasceu uma firma
Sua relíquia na quadrilha
Da forte máfia latina

Amigos tenho um montão
Quantos que apertam minha mão?
Meu olhar no olho
Faz a leitura da mente e do coração
Se trata de percepção
Ativa a intuição
Aí rapidamente chego a uma triste conclusão
É lamentável notar
Que não devo confiar
Em quem vai me criticar
Só quando eu não estiver lá
Porque olhando no olho acho difícil falar
Pela cabeça dos outros
Piolhos vão circular
Eu tento me esquivar
De guerra particular
Mas sou sujeito
Tenho meu respeito, a honra
Sinceridade é defeito
Ninguém vai me consertar
O único homem perfeito
Morreu pra te libertar
Pode me ameaçar
Que eu deixo o tempo passar
E quem for cobra
Eu volto pesadão pra cobrar
Porque tudo que começa
Um dia tem que acabar
O mundo é muito pequeno
Não tem como escapar
E pela lapa em breve
Vamos nos encontrar
Meu opala, a base da bala
Na mala vai viajar
Não tem papai marajá
Nem padrinho militar
Ou qualquer outra entidade que possa facilitar

Quanto maior a bronca
Maior o tombo
Pra que mexer em casa de marimbondo
Comigo amigo é família
No brasil nasceu uma firma
Sua relíquia da quadrilha
Da forte máfia latina (2x)

Gil metralha
De rolé em qualquer área
Expandindo a cultura da máfia
Constante presença de fumaça
Nada no mundo é de graça
Caça vira o caçador
E é só desgraça
Quem tá mandado disfarça
Mas quando o bonde pega passa
O microondas assa
Quem faz trapaça
Na brasa do fogo eterno
Foi condenado restou o inferno
Alguns lamentam
Servir de exemplo
Por não seguir os mandamentos
Do fundamento
Do movimento
Aprisionado no fermento
Vive devendo
A fita crepe é o melhor medicamento
Nesse momento
Vacilo vai ser cobrado
Quem anda errado
Melhor nem parar do lado
Antes só que mal acompanhado
Tá mandado
Sai voado que o cerol é fininho
Não tem como perdoar que atravessa meu caminho
Porque pra tudo e pra nada
Tem que estar preparado
Se quiser botar a cara, vem
Mas venha blindado
No meio do fogo cruzado
Escolhi o que quero
Pra ser sincero
Rap é meu poder paralelo

Quanto maior a bronca
Maior o tombo
Pra que mexer em casa de marimbondo
Comigo amigo é família
No brasil nasceu uma firma
Sua relíquia da quadrilha
Da forte máfia latina (2x)

Vídeo incorreto?