Acordei de madrugada com uma ideia louca
De fazer uma boate no buzão
Torrei todo meu dinheiro e vendi o carro
Estourei o meu limite no cartão

E dai, tô nem aí
Eu quero mesmo é curtir
E quem quiser zoar no meu buzão
É só ficar no ponto e levantar a mão.

Tô passando, tô pegando
Tá ficando cheio
Pode crer que eu também tô no meio
Tô bebendo, agitando, beijando na boca.
E a galera tá ficando louca,

Acelera motorista, toca essa buzina
Eu tô de o olho no farol dessa menina
Não esquenta que o tanque tá cheio
E a galera grita se pisar no freio,

Acelera aí, acelera aí, acelera aí
Quem tá fora quer entrar quem tá dentro não quer sair.
Acelera aí, acelera aí, acelera aí
Quem tá fora quer entrar quem tá dentro não quer sair.

Vídeo incorreto?