Eu já sofri por amor
Quase morri de paixão
Me entreguei de corpo e alma
Foi grande a minha ilusão
Tive ate que suportar
O peso da solidão
Pois uma ingrata mulher
Fez morada no meu coração

Dos tombos que dei nesta vida
Já consegui me livrar
Certos golpes traiçoeiros
Eu consegui desviar
Mas da rasteira do amor
Não consegui me escapar
Uma linda caboclinha
Várias vezes já me fez chorar

Esta caboclinha linda
Tem um veneno no olhar
É um veneno que atrai
Faz agente apaixonar
Por ela o meu peito chora
Por ela eu vivo a sonhar
Eu morro de amor por ela
E sem ela não dá pra ficar

A estrada do meu coração
Foi ela quem encontrou
A porteira estava fechada
Mas ela abriu e entrou
De repente ela foi embora
Tão pouco tempo durou
E a cicatriz da saudade
Para sempre em meu peito ficou

Vídeo incorreto?