Tá vendo essa roupa cáqui,
Já foi branca meu patrão,
Acontece que eu vim de longe,
Em cima de um caminhão,

E a poeira do norte,
Naquela estrada de morte,
Tem dó de mim meu patrão,
E ve se ajuda seu irmão,

Eu quero trabalhar o dia inteiro,
Nem que seja pra ganhar um tostão,
Eu já não posso mais,
E voltar atrás eu não quero não,(2x)

Refrão

Chega de viver torrado,
pelo sol malvado que só quer matar,
Chega de dizer que a fome,
É direito do homem que não quer roubar,
Patrão não estou aqui,
Não foi pra divertir e nem ver carnaval,
Apesar do que sofri no norte,
Sou caboclo forte quero trabalhar,(2x)

Vídeo incorreto?