Êh, laiála, êh laia lá
Êh, laiála, êh laia lá

Eu fiz de tudo um pouco só pra ter você pra mim
Atravessei barreiras e fronteiras
Até me armaram um motim

Pedi paz ao luar, fui ao mar me banhar
Viajei mil milhas daqui
Meio sem direção, eu fui na contra-mão
Mas enfim

Hoje sou um vencedor
Hoje sou refrão do amor
Sou uma só paixão
Onde esteja, onde for, levo paz no coração
No meu peito sofredor, já não trago mais rancor
Só alegria a multidão
Nada me faz perdedor, então vem

Vem pra me amar
Vem pra mim, fica
Eu te chamo, êh laiá
Um amor sem fim, todo só pra mim
Eu te amo, êh laiá

Vídeo incorreto?