Eu abri minha acordeona
Que o povo tanto pedia
E lasquei um vanerão
Pra ver o que acontecia
Fui ficando entusiasmado
Quando vi tanta alegria
E ofereci para todos um solo de baixaria

Eu continuava floriando e todo mundo entreverado
Mas bah que fandango bueno
Peões e prendas bem piuchados
Dei um grito pro parceiro
Que toca no meu costado
É o contrabaixo que segue nesse vanerão largado

E foi madrugada a fora
E nos segurando a barra
Dê-lhe gaita e dê-lhe grito
cantando que nem cigarra
Chamei mais um companheiro
Que estava chuleando a farra
Que sapecou no improviso um vanerão de guitarra

Vendo o povo satisfeito
Bem do jeito que eu queria
Ouvi os galo cantando
Anunciando o novo dia
Como ninguém se entregava
Estava sobrando energia
Mandei que quebrasse o pau
Nos solos da bateria

Quatro instrumentos tocaram
Três gargantas afinadas
Este vanerão largado
Que é o som da gauchada
Vamos pra outra querência
Temos mais uma empreitada
E o patrão gostou do grupo
Deixou outra data marcada

Vídeo incorreto?