Eu não sou de ferro a carne é fraca e o diabo atenta
Eu não quero olhar pra não desejar e o olho não agüenta
Amigo essa menina é desassossego é separação
Sou comprometido e ando correndo de confusão
Mas aí é que o bicho pega madeira deita e a cobra pia
Aonde a onça bebe água o couro come e o gato mia
Ela passa me provocando é um vai e vem é um sobe e desce
Quanto mais eu rezo compadre mais assombração aparece

Olha lá olha lá, lá vai
Olha lá olha lá, já vem
Ela para a avenida é a dona da festa não tem pra ninguém
Olha lá olha lá, lá vai
Olha lá olha lá, já vem
Ela maravilhosa, ela é perigosa igual ela não tem

Lá vai a boa, a boa....
Ela é a boa
Lá vem a boa, a boa....
Ela é a boa

Vídeo incorreto?