Rap:
Sem neurose se o copo é de veneno última dose não firmô
O seu rancor matou o amor se caguetou tontiou nos caô vacilação
Me pede a fita que eu te dou que é facinho é mó mamão
Tem que amar o que faz se dedicar muito mais
Pra tu colar a qui na frente sem jogar os irmãos pra tras
Caçou agua no deserto procurou fogo no mar
Se colar com os papo torto abre teu ouvido pra escutar


Voce tira onda mais não sabe o que falar
Me mira me ronda não consegue me encarar
Fica no sapato por que eu to no meu lugar
Mas quando ando sei pisar sei
Se a minha presença encomo da é só falar
Que a tua sentença é tua lingua quem vai dar
Voce fala a vera então espera pra chorar
Rala quando eu passar

Me erra!
Tenta me tirar que tu se ferra!
To de saco cheio dessa guerra!
Desemperra!
Me erra!

Você quer invadir saber onde eu to
Pra ter o que falar
Você quer me queimar por ai
Enquanto eu sigo na minha você quer viver o que eu viví
Rap:
Falou que era bandido mas provou que é bandaid
Pode colar no show com nois e ve se mata a tua sede
Fala quando nois passa fala até quando eu não to
Se o rap é compromisso então parceiro
Tu rachou
A nuvem escura por cima da tua cabeça onde tu vai
A tempestade vem contigo e nois não é para raio
Mira mas me erra que teu vudu não me pega
Se nois é fiel de Deus então não tem praga certa


Voce tira onda mais não sabe o que falar
Me mira me ronda não consegue me encarar
Fica no sapato por que eu to no meu lugar
Mas quando ando sei pisar sei
Se a minha presença encomo da é só falar
Que a tua sentença é tua lingua quem vai dar
Voce fala a vera então espera pra chorar
Rala quando eu passar
Me erra!
Tenta me tirar que tu se ferra!
To de saco cheio dessa guerra!
Desemperra!
Me erra!

Vídeo incorreto?