Eu correrei para você


Seus olhos são como o do Pardal
e suas mãos, têm me confortado
Dos confins da terra para o fundo do meu coração
Deixe Sua misericórdia e força serem vistas

Chamas-me a sua finalidade
Como compreender anjos
Para a sua glória, Você chamou todos os homens
Com seu amor e graça os prucurou

Eu correrei para Você
Às suas palavras de verdade
Não por Seu poder, não por Sua força
Mas, pelo espírito de Deus
Sim eu vou correr a corrida
Até eu ver o seu rosto
Me deixe viver na glória da Sua graça