Desponta o Sol, e eu venho a Ti,
Senhor dos altos Céus;
Ouvir-me-ás a voz aqui,
A voz dos rogos meus?

Bem cedo, á Pai, irás me ouvir,
Sim, desde o arrebol;
Com Tua mão me conduzir;
Até o pôr-do-sol.

E quando enfim voltar Jesus,
Com glória e resplendor;
Que eu possa então, brilhando em luz,
Subir ao lar de amor.

Vídeo incorreto?