Quando eu voltar para o meu mundo
Ninguém vai acreditar em mim
Encontrei o paraíso, mas está se perdendo,
Caminhando pro fim

Não sou verde fluorescente,
Não sou monstro nem duende,
Mas meu mundo está longe daqui
Me escondo entre a multidão,
Caminho pela escuridão,
Dizem que sou um fruto da nova era

Eu existo, ainda negam que estou aqui
Eu existo, o mundo não quer me assumir

Ódio em tantos corações,
Guerras sem razão
Eu não consigo entender
Clamam "paz e amor",
Se corrompem quando sentem
Em suas mãos o poder

Me transformam em mentira,
Em ficção, em fantasia,
Mas exploram minha imagem na mídia
Quando eu provar que estou aqui,
A reação vai implodir
Religiões em crise de consciência

Eu existo, ainda negam que estou aqui
Eu existo, o mundo não quer me assumir

Vídeo incorreto?