Bata'assa'aofor'eeozur
Às três horas passava o batateiro
Subindo pela rua, cantando o dia inteiro
E eu corria com toda a meninada
Para comprar batata-doce assada
E o velhote sempre dizia
Que estava muito boa a batata que vendia
Ai que saudade do velho napolitano
Que pela rua passava apregoando
Bata'nassa'aofor'eeozur
Um tostão de batata era um montão
Apanhava no vestido e caia pelo chão
E eu corria com toda a meninada
Para comprar batata doce assada
E o velhote sempre dizia
Que estava muito boa a batata que vendia
Ai que saudade do velho napolitano
Que pela rua passava apregoando
Bata'nassa'aofor'eeozur
Com certeza o velhote já morreu
E a criançada cresceu e envelheceu
E como eu senti saudade
Do bom napolitano apregoando na cidade
Bata'nassa'aofor'eeozur

Vídeo incorreto?