Cidade grande chaminé de gasolina
Foi minha sina nos teus braços vir parar
Tua grandeza me levou a um delírio
Feito um colírio clareando meu olhar
Cidade grande paraíso da loucura
Quem te procura feito vim te procurar
Sofre um bucado pra entender o teu mistério
Falando sério foi difícil acostumar

Cidade grande moça bela
Tu tens o cheiro da ilusão
Quem passou na tua janela
Já conheceu a solidão

Teu movimento comparei ao formigueiro
De tão ligeiro eu comecei a imaginar
Meu Deus do céu como é que a felicidade
Nesta cidade acha um espaço pra morar
Minha tristeza reijeitou tua alegria
Num belo dia quando pude perceber
Que o progresso é que faz do teu dinheiro
Um cativeiro onde se mata pra viver

Quando eu olhei a água preta do teu rio
Um calafrio me subiu ao coração
Fiquei com medo de algum dia o oceano
Achar um plano e se vingar na traição
Cidade grande se tu fosses minha um dia
Eu te mostraria como a abelha faz o mel
Mas quem sou eu apenas um simples poeta
Que vê a vida com os olhos para o céu

Vídeo incorreto?