Embora não possa ver
Tua santa face
E o teu trono no céu
E acima ele parecer-me
Muito distante
Mesmo que eu não possa
Tocar as marcas dos cravos de tuas mãos
Tenho gozo, profunda alegria
que faz minha fé crescer.

Eu acredito em ti
Senhor, acredito em ti
Mesmo sem poder ver
Com os meus olhos
Sinto-te profundo
Em meu coração.

Eu sempre hei de crer em ti
Ainda que todos Venham contra mim
Esta alegria não poderão tirar
Eu acredito, creio em ti

Tu és filho de deus
O unigênito filho de deus
O verdadeiro caminho
Para o coração do pai
Morreste por todo pecado
Mas ressurgiste e
Agora vives em mim
Venceste a morte e a sepultura
E assim eu posso, então, viver
Eu acredito em ti.

Vídeo incorreto?