O vento dá balança a palha do coqueiro
Eu balanço meu benzinho pra lhe consolar
Eu gosto dela por isso é que eu lhe balanço
Meu bem eu não me canso é de me balançar

Como é bonito a gente ter um amor
E lhe convidar pra lha balançar
No balanço desse num forró lá na ribeira
A gente se embalança até o dia clarear

O nosso amor agora é de verdade
Sinceramente eu a amo pra valer
Eu gosto de você e o nosso amor é verdadeiro
Por isso o vento dá balança a palha do coqueiro

Vídeo incorreto?