Ô Rosa não me deixe louco
Se é porque eu sou caboclo que você não gosta d´eu
Sou um caboclo e com você quero casar
Se você quiser morar numa palhoça mais eu

Eu vou fazer a palhoça
E vou pintar cor de rosa
Plantar uns pés de rosa
Pra eu e rosa cheirar
Se eu não me casar com rosa, fico na roça
Toco fogo na palhoça
Acabo com o roseiral
Vou embora pelo mundo
Cantando pra não chorar

Na frente da palhoça
Plantei um coqueiro anão
Ficou baixinho meu irmão
Mais já tem coco vingado
Eu pego o meu machado
Derrubo tudo no chão
É um crime patrão
Cortar uma arvore vingada
A bichinha não tem nada
Com nossa separação

Vídeo incorreto?