Quando chegou o oitavo dia
Ele criou a alegria, fez um cantinho tão diferente
Misturou, um sorriso na pele, aventura e o calor
Misturou, carnaval na avenida Omar e o Pelô
Misturou, um punhado de cores
de flores de bem me quer
E um bocadinho a mais de cafuné

Eu canto esta historia porque sou assim
Todos os cantos desta terra, tem sol com brilho sem fim

Bahia, Bahia.
Amor que não se explica, é sempre assim
Quando eu me dou conta ela já tomou conta de mim
Bahia, Bahia.
Amor que não se explica, é sempre assim
Quando eu me dou conta ela já tomou conta de mim

Entrega a flor, coração sorriso aberto
Pra te ver chegar, se quiser voltar
faço tudo outra vez
Pra te ver aqui na Bahia

Vídeo incorreto?