Quando acordei pela manhã
Senti o perfume que há muito, muito tempo não sentia
Olhei de pressa ao meu redor e apalpei o seu lugar
Em nossa cama tão vazia
Eu que cheguei de um sono bom chorei ao ver tudo
acabado
Tanto amor tanta doçura
Mas o perfume era real que acreditei estar ali
Sua presença de ternura.

E de repente vi você sair com a toalha no seu corpo
E se agarrar em mim como nos velhos tempos de amor tão
louco
Nada mais sei de nós porque morremos abraçados no
desejo
Na doação total perdidos na loucura destes beijos.
(BIS)

DE IGUAL PRA IGUAL

você mentiu, quando jurava para mim fidelidade
Fui apenas um escravo da maldade
Você quis, você lutou e conseguiu

Você feriu os sentimentos que a ti eu dediquei
Quantas vezes o seu pranto enxuguei
Por pensar que era por mim que chorava

Você fingiu, você brincou com a minha sensibilidade
É o fim do nosso caso da verdade
Só nos restam recordações

Não toque em mim, hoje descobri que você não é nada
Não podemos seguir juntos nesta estrada
É o fim do amor sincero que senti

Mas aprendi, fazer amor pra te ferir sem sentir nada
Enquanto eu amava você me enganava
De igual pra igual quem sabe a gente pode ser feliz
BIS
Ser feliz, ser feliz, ser feliz, ser feliz

Post (frança cortez)

Vídeo incorreto?