Às vezes pergunto a mim mesmo
Por que insistir assim em tanto erro
Mesmo já sabendo onde tudo isso vai acabar

Mas ao que parece estar perdido
Sempre alguma coisa fala aqui comigo
Segue adiante, este é o caminho e não desista em vão

E quando tudo voltar como antes
Quando o nosso amor voltar a ser constante
Eu estarei te esperando no mesmo lugar
E como um brilho no rastro da lua
Está sempre em mim uma lembrança tua
Não deixarei o nosso amor morrer em nós

Quantas juras de amor já fizemos
E quantas vezes já nos prometemos
Nunca deixar a nossa chama se apagar com o vento

Mesmoassim algo saiu errado
Mas nada que não possa ser consertado
É uma questão de ser flexível no que se diz amor

E quando tudo voltar como antes
Quando o nosso amor voltar a ser constante
Eu estarei te esperando no mesmo lugar
E como um brilho no rastro da lua
Está sempre em mim uma lembrança tua
Não deixarei o nosso amor morrer em nós
Não deixarei o nosso amor morrer em nós

Vídeo incorreto?