Madeixas em desalinho, na caixa fitas e pentes
andava num trobolinho, aperdoando alfinetes
compro uma caixa fregues ou entao um pente fino ,
paga 2 e leva 3, da jeito para o menino


(refrao)De longa saia trouxa de venda , nasceu na raia dorme na tenda
Cara bonita de moçetona , com uma pinta cor de azeitona,
a ciganilha baila a preceito usa mantilha rosa no peito,
chama-se Olinda diz-se espanhola, Cigana linda que pede esmola.

Por estes 2 eu lhe juro , sao 5 escudos somente ,e posso ler o futuro
que tenho na sua frente, dê-me a mão e logo digo sem que me possa enganar,
quem ha-de casar consigo, quem por si anda a penar.

(Refrao)

Mas a cidade e miragem, de que Olinda nao gostou
e um dia foi de viagem, e na fronteira ficou,
vende tapetes de cairo, de feira em feira caminha
mas a rua do meu bairro, nao tem a graca que tinha.

(Refrao)

Vídeo incorreto?