Eu tô danado
Eu já tô de saco cheio
Não posso mais namorar BIS
Que a vizinha tá no meio

Minha vizinha, eu não sei o que acontece
Se eu namoro, ela aparece
Essa velha não dá pé
Ontem à noite, eu de beijos e abraços
Ela entrou no meu terraço
Pra emprestar pó-de-café

Eu tô danado...

O meu benzinho, hoje veio de tardinha
Nisso, chegou a vizinha
E foi direto pro meu lado
Eu me senti um borracheiro da donzela
Indo até o carro dela
Trocar um pneu furado

Eu tô danado...

Tava na boa, agarrado com meu bem
E pensei naquele trem
Que vem sempre atrapalhar
Neste momento, ela chegou
Soltei a fala:
A senhora, é uma mala
Que não dá pra carregar

Eu tô danado...

Vídeo incorreto?