Pela estrada eu vou seguindo
Minha sina eu vou cumprindo
Tenho pressa de chegar
O caminho é perigoso
E eu fico ansioso
Pra viagem terminar

Essa carga que eu carrego
Vale muito, eu não nego
Tenho medo de perder
E nas pistas sinuosas
Ou nas curvas perigosas
Eu preciso me conter

O destino não é perto
Bem por isso eu fico esperto
Para a carga não tombar
Esse frete é um tesouro
Vale bem mais do que ouro
Pra vocês eu vou contar

No caminhão do meu peito
Transporto com muito jeito
Um coração de valor
Nele tem muita amizade
Carinho e felicidade
Enlonado de amor

Você é o meu destino
Velho, moço ou menino
Não importa a sua cor
Pra você que tem um teto
Ou quem dorme no concreto
Sou o caminhoneiro do amor.

Vídeo incorreto?