Minha vida é uma canção
A voz vem do coração
Transmitindo alegria
Os acordes, quando soam
Todos os versos ecoam
Em perfeita sintonia

Basta abrir a garganta
Que todo mal se espanta
Muda todo o ambiente
Nesta minha partitura
Não tem ódio... amargura
Harmonia está presente

Do meu peito vem as trovas
Em mim, tudo se renova
Quando chega a inspiração
No mundo da poesia
Tudo vira alegria
Bate forte o coração

Esta é a minha sina
Escrever versos e rimas
Demonstrar o que eu faço
Basta encontrar um bom tema
Que transformo em poema
Sem transtorno no compasso

Nesta vida de poeta
Eu caminho em linha reta
Sem prejudicar ninguém
Quando eu canto ou componho
Eu alimento um sonho
De um dia ser alguém

Que tem a disposição
Pra dar contribuição
Sem desvio e sem rasura
Nesta trilha eu vou seguir
Orgulhoso em vestir
A camisa da Cultura.

Vídeo incorreto?