Acreditei que o céu foi feito para nós
Num mundo a sós, não percebi
Tantos os desejos e promessas de um futuro a dois
Só então depois
Eu descobri

O tempo acabou, o pano já fechou
E ninguém quer saber
Das memórias do nosso viver

Não sei se sou capaz
Tento acordar e olhar para trás
Ver tudo o que eu perdi
Quando tu estiveste aqui

Eu não sei se eu vou esquecer
Talvez o amanha me vá dizer
Se ontem já chegou o fim
Ele nem sequer esperou
Nunca pensou em mim

Hoje vejo a minha sombra
Chorar por ti
Tudo o que senti
Foi talvez demais, eu sei
Agora está na hora de renascer
De não esconder as verdades em que errei

A dor vai ficar no nosso lugar
Enquanto o amor quiser
O silencio dá voz ao meu sofrer

Não sei se sou capaz
Tento acordar e olhar para trás
Ver tudo o que eu perdi
Quando tu estiveste aqui

Eu não sei se eu vou esquecer
Talvez o amanha me vá dizer
Se ontem já chegou o fim
Ele nem sequer esperou
Nunca pensou em mim

Fechaste a porta
Sem dizer adeus
E eu nem te vi partir

Apagaste os sonhos que também foram teus
Deixei minha luz fugir

Ei ei ei

Não sei se sou capaz
Tento acordar e olhar para trás
Ver tudo o que eu perdi
Quando tu estiveste aqui

Eu não sei se eu vou esquecer
Talvez o amanha me vá dizer
Se ontem já chegou o fim
Ele nem sequer esperou
Nunca pensou em mim

Não sei se sou capaz
Tento acordar e olhar para trás
Ver tudo o que eu perdi
Quando tu estiveste aqui

Eu não sei se eu vou esquecer
Talvez o amanha me vá dizer
Se ontem já chegou o fim
Ele nem sequer esperou
Nunca pensou em mim

Vídeo incorreto?