O meu bairro vai morrendo lentamente
Mas os jovens lutão por uma zona diferente
Se não formos nós quem fará por nós
Não há estrilho pra tudo isiste um braço
A nossa esistência não é obra do acaso
Refrão
Digão o que disserm,
Os putos vão gozar,
Eles vão avacalhar até matar.

Mas se depender de mim o
O bairro todo vai mudar
Bem vindo ao val onde todos são pausados
Muitos passao fome mas tão sempre bem grifados
Tá na moda formar grupo e dar com catana nos outros

Refrão
Digão o que disserem,
Os putos vão gozar
Eles vão avacalhar até matar.

Isso é o val onde só se entendem com purrada
Á pala da namorada do outro
Mas aquele que perde acaba por entrar no esgoto
Com medo de ir para o posto
Onde os bófias são marados
Até os putos pausados apanhão caldos duros aços
Refão
Digão o que disserem,
Os putos vão gozar
Eles vão avacalhar até matar...

Vídeo incorreto?