Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum
Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum

Tem uma coisinha estranha passeando em minha mente
Coisa de 300 anos, coisa de antigamente
Coisa do tempo que a gente era um pouco diferente
Era só pensar na coisa, pra ela aparecer na frente

Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum
Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum

Eu disse pra minha tia: "Tia eu quero ser igual"
Ela achou meio esquisito, mas eu não falei por mal
Ser igual aos outros garotos
Porque as vezes a magia, me faz sentir tão só

A força da noite me traz o poder
Da energia cósmica que tem em cada ser
E a sabedoria pra reconhecer
Que não dá pra escapar do que eu vou ser quando crescer
Tem dia que a lua não tá no infinito
E o mundo das trevas nos gera conflito
O mar quando bate na praia, bonito!
Tem tempo pra tudo, normal, esquisito

Hoje eu acordei contente
Acho que eu descobri
Que onde tem alguém brincando
Tem feitiçaria ali
O meu tio me olha torto
Mas no fundo ele pensou
Que foi empinando pipa
Que brincou Santos Dumont

Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum
Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum

A força do dia me faz acender
A energia elétrica que tem em cada ser
Sabedoria para não saber
E curiosidade pra ver tudo acontecer
Enfrentar tormentas e calmarias
Explorar o universo de feitiçarias
Central e sem pressa "brother"
Pois até Deus que é Deus fez o mundo em sete dias

Matemática, alquimia
Curso chinês e Hebreu
Liberdade e alegria
Conhecimento plebeu
Sem que às vezes dá preguiça
Mas o mundo sabe mais que eu

Então vou escrever o meu livro
Você vai escrevendo o seu!

Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum
Bum, bum, bum
Castelo Rá-Tim-Bum

Mubmitar Oletsac
Mubmitar Oletsac

Vídeo incorreto?