A lua ilumina o terreiro
Convidando o partideiro pra cantar
A noite inteira
Pagodeando até o sol raiar
Ao som do cavaquinho, violão, do repique
Do tantã, do banjo e do pandeiro
No samba hoje eu vou me acabar

Beber uma cerveja bem gelada
Dar aquela paquerada
Junto com a rapaziada
Na loura, na pretinha, na morena
Na gracinha do desiner da bundinha da mulata
Pode até chover e relampejar
Hoje eu vou pagodear

Como é gostoso cair no samba, samba
Você também pode ir no samba, samba
Bom é na palma da mão
Na roda de samba
Venha comigo sambar

Abra a roda que o pagode agora vai ferver
Se você me escutar nao vai se arrepender
Vem sambar no miudinho
Que você vai ver
Que o samba tem feitiço
E faz enlouquecer

Vídeo incorreto?